Top 3: boas técnicas para reter vocabulário em francês

20 de março de 2019 às 17:04

Você está começando seu curso de francês? Os primeiros meses de aprendizado são muito importantes, pois são a base para os módulos seguintes.

Por isso é importante estender a sua prática para além das aulas. Por isso preparamos essa lista, com dicas de como reter vocabulário em francês e se habituar ao idioma:

Leitura

Uma boa forma de começar a sua prática cotidiana do francês é tentar ler o máximo possível no idioma. No seu curso você provavelmente terá leituras obrigatórias. Mas não pare por aí, busque outras leituras como jornais, sites e outros materiais. Quanto mais contato, mais você irá compreender as frases escritas.

A Biblioteca Claudie Monteil pode te ajudar muito nesse ponto! Com um dos maiores acervos francófonos de SP, você pode alugar materiais diversos e ainda ganha acesso à Culturethèque!

cta_meio

Ouvir músicas e podcasts

Conforme você for ganhando maior intimidade com o francês, tente começar a escutar mais coisas em francês. Ouvir músicas em francês é legal para aprender novas palavras, se tiver dúvidas, você pode pesquisar a letra na internet. Cantores como Edith Piaf e Charles Aznavour podem ser combinados com outros mais modernos como Stromae e Voyou. Assim você se diverte enquanto pratica.

Outra forma legal de treinas a escuta é começar a ouvir podcasts em francês. Existem diversos programas online que você pode ouvir gratuitamente. Escolha um tema do seu gosto e deixe o áudio rolando enquanto faz outras coisas. Mesmo que você não compreenda tudo, já vai entendendo muita coisa pelo contexto. Aqui nós damos dicas de 3 podcasts para começar!

Dicionário

Quando encontrar uma palavra desconhecida, fora da sala de aula, procure seu significado. Hoje em dia existem vários dicionários online nos quais você pode pesquisar. O mesmo vale para aqueles objetos em português que você não souber traduzir para o francês. Fazendo isso você não corre o risco de esquecer a palavra e já consegue sedimentar aquilo que aprendeu nas aulas.

LEIA MAIS: