Pular para o conteúdo

Falar dois idiomas muda sua percepção de mundo

11 de outubro de 2018 às 18:04

Pesquisas na área da ciência cognitiva tentam há algum tempo determinar o quanto a língua materna influencia nossa forma de ver o mundo.

Inclusive obtendo descobertas surpreendentes como, por exemplo, que os falantes de russo distinguem mais rapidamente tons de azul do que os falantes de inglês.

Nesse sentido, o recente estudo da revista científica Psychological Science trouxe uma interessante confirmação de algo que já era conhecimento popular: poliglotas estão mais abertos a diferentes percepções de mundo.

A pesquisa

A questão levantada pelos cientistas foi: há alguma mudança cognitiva quando as pessoas falam mais de um idioma? Com esse mote eles tentaram compreender se a percepção de mundo dos bilíngues é diferente daqueles que falam apenas seu idioma materno. A resposta da pesquisa foi positiva.

A equipe realizou esse estudo com 30 pessoas falantes de inglês ou alemão e 30 bilíngues (falando inglês e alemão), analisando se diferentes formas de “perceber o mundo” poderiam coexistir na mesma pessoa. Para isso os participantes do estudo tiveram que assistir vídeos e descrever as ações que se passavam neles.

O resultado

Ao final da experiência, eles puderam afirmar que os bilíngues utilizavam formas diferentes para descrever as ações, de acordo com língua falada no vídeo. Já os que falavam apenas um idioma se mantinham com a única descrição que conheciam

Segundo a pesquisa, essa conclusão é válida para todos os bilíngues (e não apenas para os que falam inglês e alemão). “Quando você fala outro idioma, você tem uma visão alternativa do mundo”, disse o pesquisador Panos Athanasopoulos, “O idioma funciona como a música, você pode ouvir música de um único orador, ou em estéreo”.

Informações retiradas do site Science et Avenir.

cta_fim